Archive for abril 2011

Souflé de queijo

xx

Sempre quis fazer souflé, mas confesso que tinha medo! Nem sei o porquê, mas tinha! Então, fazendo minhas pesquisas, vi 2 regras básicas infalíveis para um souflé perfeito: forno pré-aquecido bem quente e claras em neve firmes misturadas delicadamente à massa. De posse dessas informações, fui pra cozinha me aventurar!

Ingredientes:

  • 35 gr de manteiga
  • 35 gr de farinha de trigo
  • 250 ml de leite
  • 2 ovos, claras em neve
  • 3/4 de xícara de parmesão ralado (usei Grana Padano, nada daquele parmesão de saquinho já ralado!)
  • sal, pimenta do reino e noz moscada

Pré-aqueça o forno a 200°C. Unte com manteiga um refratário com lateral alta ou ramequins. Polvilhe com farinha de trigo e reserve.

Numa panela pequena, derreta a manteiga. Quando estiver toda derretida, acrescente a farinha  de trigo e mexa bem, vai virar uma massinha. Cozinhe em fogo baixo  por 2 minutos e  vá adicionando então o leite, aos poucos, sem parar de mexer para não empelotar. Deixe mais um pouco no fogo até engrossar, então retire a panela do fogo e junte as gemas, uma por uma, mexendo bem entre cada uma. Em seguida, coloque o parmesão ralado e misture bem. Tempere com sal, pimenta do reino e noz moscada ralada na hora.

Nesse momento, incorpore as claras em neve rapidamente mas de forma delicada, com uma espátula, fazendo movimentos de baixo para cima. Assim que estiver um creme homogêneo, coloque no refratário e leve ao forno por aproximadamente 30 minutos, até que o topo esteja dourado. Sirva imediatamente.

Essa receita serve duas pessoas.

Essxxx

Bolo de amêndoas

xxx

Desde que vi essa receita, não parei de pensar nela! É um bolo muito famoso, típico da culinária portuguesa! Pesquisei muitas receitas até encontrar essa! Adorei o resultado, o bolo é realmente divino!

Ingredientes:

Bolo:

  • 60 gr de manteiga em temperatura ambiente
  • 2 ovos
  • 120 gr de açúcar
  • 100 gr de farinha de trigo
  • 1 colher de chá de fermento em pó
  • 80 gr de amêndoas moídas sem pele (farinha de amêndoa)
  • 2 colheres de sopa de whisky

Pré-aqueça o forno a 190º C. Unte uma forma, com fundo removível, com manteiga. Bata os ovos com a manteiga e o açúcar até ficar uma massa homogênea. Junte a farinha, o fermento e a farinha de amêndoas à massa, bata até ficar tudo incorporado. Finalmente junte o whisky e misture bem. Coloque a massa na forma e leve ao forno até estar cozida (faça o teste do palito no centro do bolo). Retire do forno e reserve.

Cobertura:

  • 150g de amêndoas laminadas
  • 75 gr de açúcar
  • 6 colheres de sopa de leite
  • 50 gr de manteiga
  • 1 colher de sopa de whisky

Coloque todos os ingredientes numa panelinha e leve ao fogo baixo até começar a ferver e a calda ficar mais encorpada. Cubra o bolo com essa cobertura e leve ao forno, ainda quente, para dourar as amêndoas, cerca de 10 a 15 minutos. Retire do forno, espere esfriar e desenforme!!

Tirei a receita de um blog português, esse aqui.

xxx

Flan de iogurte com geléia de morango

xxx

Sobremesa light!!! Essa receita é muito simples e rápida de fazer! Tirei do meu livro “A vida pode ser doce” da coleção Línea Sucralose. Esse adoçante pode ser usado no preparo de bolos, tortas, pães e crepes, além de caldas e recheios cremosos porque, assim como o açúcar, pode ir ao forno e fogão sem perder suas características nem seu poder adoçante. Línea Sucralose também não deixa o retrogosto amargo tão comum a outros adoçantes porque, na verdade, ele vem da cana-de-açúcar, mas não tem calorias.

Ingredientes:

  • 1 pacote de gelatina incolor em pó
  • 5 colheres de sopa de água fria para hidratar a gelatina
  • 2 potes de iogurte natural desnatado (400 gr)
  • 2 colheres de sopa de adoçante Línea Sucralose granular
  • óleo para untar
  • 1/2 xícara de geléia de morango diet (ou qualquer geléia de sua preferência)

Hidrate a gelatina numa tigela e deixe descansando por 5 minutos. Leve ao microondas por 1  minuto ou até que a gelatina esteja completamente derretida. Reserve.

Bata no liquidificador os iogurtes e o adoçante. Junte a gelatina aos poucos e continue batendo até obter uma mistura homogênea. Unte com óleo uma forma para flan, despeje a preparação e leve à geladeira por cerca de 4 horas, ou até  ficar firme.

Leve ao fogo baixo a geléia com um pouquinho de água, mexendo bem até amolecer um pouco.

Desenforme o flan e cubra com a calda.

Dica:

Umedeça o prato em que for desenformar o flan, pois se ele sair torto, será mais fácil arrumá-lo no lugar.

Para conhecer outros produtos da linha Línea Sucralose clique aqui.

xxx

Risoto de filé e brie

xxx

Risoto nunca é demais! Sabendo a receita básica, o resto é só criatividade!! O mais incrível é que ao mudar apenas um ingrediente , você já consegue outro prato, outro sabor!!

Ingredientes:

  • 700 ml de água com um tablete de caldo de carne
  • 3 colheres de sopa de azeite
  • 1/2 cebola ralada
  • 1 xícara de arroz carnaroli ou arbóreo
  • 1 xícara de vinho branco seco
  • 120 gr de queijo brie
  • 300 gr de filé cortado em cubos
  • 1 colher de sopa de manteiga
  • sal e pimenta do reino a gosto
  • salsinha picada a gosto
  • lascas de amêndoas (opcional)

Tempere os cubos de filé com sal e pimenta do reino e sele a carne numa frigideira com um fio de azeite. Reserve.

Esquente o caldo. Numa panela aqueça o azeite e doure lentamente a cebola. Acresente o arroz e mexa até que ele comece a fritar. Adcione o vinho branco seco e continue mexendo até que ele seja absorvido pelo arroz. Coloque a primeira concha de caldo e uma pitada de sal. Não pare de mexer e vá acrescentando conchas de caldo, misturando bem e esperando que cada concha seja absorvida antes de despejar a próxima. Depois de aproximadamente 15 minutos experimente o arroz, caso não estiver ainda cozido, continue a acrescentar o caldo e ajuste o sal, até que o arroz esteja tenro. Se o caldo acabar antes de terminar o cozimento do arroz, coloque um pouco de água fervente. Adcione os cubos de filé previamente selados. Terminado, retire a panela do fogo e adcione a manteiga, o queijo brie e a salsinha. Misture bem,  tampe a panela e deixa descansar por 3 minutos. Sirva logo em seguida e salpique as lascas de amêndoas para decorar.

xxx

Panna Cotta de mel

xxx

Pra quem não conhece, a Panna Cotta (que significa “nata cozida”), é uma sobremesa típica italiana da região de Piemonte. Geralmente é servida com geléias de frutas. Sobremesa rápida, fácil e super saborosa!!

Ingredientes:

  • 1 e 1/2 xícara de leite
  • 1 e 1/2 xícara de creme de leite fresco
  • 1/2 xícara de mel
  • 2 colheres de chá de gelatina em pó
  • casca de 1 limão, sem a parte branca (usei limão siciliano)
  • 1/2 fava de baunilha, raspar as sementinhas (se não encontrar a fava, use 1 colher de chá de essência de baunilha)

Dissolva a gelatina em pó em ¼ de xícara (60 ml) de água fria. Deixe descansar por 3 minutos. Reserve.

Coloque o leite e o creme de leite em uma panela. Adicione a vagem e as sementes de baunilha, as raspas de limão e o mel. Deixe ferver lentamente em fogo baixo. Assim que levantar fervura,  acrescente a gelatina hidratada e continue cozinhando por cerca de 2 minutos até estar completamente dissolvida. Retire do fogo e deixe descansando por 5 minutos.

Coe com uma peneira fina e divida em tacinhas. Leve à geladeira e deixe gelar por pelo menos 4 horas.

Coberturas:

Caramelo:

Para o caramelo, coloque 1 xícara de açúcar numa panela e leve ao fogo para derreter até ficar com cor de caramelo. Adcione 1 xícara de creme de leite fresco e mexa bem até que o açúcar derreta. Espere amornar e cubra a panna cotta.

Geléia:

Escolha alguma geléia de sua preferência, coloque numa panela e leve ao fogo baixo para amolecer. Se necessário pingue um pouco de água. Cubra a panna cotta. Usei geléia de frutas vermelhas, que combinou muito bem!

xx

Receita original aqui.

xx

Salada com camarões ao molho Caesar

xx

Essa salada é simplesmente maravilhosa!! O molho Caesar é uma das receitas mais tradicionais do mundo, além de ser muito famoso também por acompanhar uma salada que leva o seu nome, a Caesar’s salad.

Ingredientes:

  • 1 cabeça de alface romana ou americana
  • 1,5 kg de camarões médios, grelhados e temperados com sal e pimenta do reino
  • 1/4 de xícara de cebolinha ou salsinha picadinha
  • 3 pimentões vermelhos assados e picados em fatias finas ou cubinhos

Para assar os pimentões, abra-os e corte-os em tiras retas. Disponha-os sobre uma forma, com a pele para cima e tempere com sal e azeite. Leve ao forno baixo para assar por 45 minutos ou até que as bordas estejam escuras. Retire do forno coloque todas as fatias em um saco plástico, amarre a ponta e deixe esfriar naturalmente. Depois de frios, retire do saco plástico e puxe a pele dos pimentões, ela soltará com facilidade. Corte em tiras fininhas ou cubinhos.

Molho Caesar:

  • 06 filés de anchovas picadinhos
  • ½ colher de chá alho picadinho
  • 4 colheres de sopa de vinagre de vinho tinto
  • 1 colher de sopa de molho inglês
  • 2 colheres de chá de mostarda Dijon
  • ½ xícara de chá de azeite
  • 1 colher de chá de estragão fresco picadinho
  • Sal e pimenta do reino a gosto
  • ½ xícara de queijo parmesão ralado em lascas finas

Em um liquidificador, na tecla pulsar, combine a anchova, o estragão, o alho, o vinagre, o molho inglês, o azeite e a mostarda. Tempere com sal (cuidado, pois a anchova já é bem salgada), pimenta do reino e junte o parmesão, pulse mais uma vez e desligue.

Montagem:

Em uma saladeira, rasgue as folhas de alface, distribua os camarões grelhados por cima, as tiras ou cubos de pimentão assado e regue com o molho. Misture bem, salpique a cebolinha picada e sirva a salada.

xx

Molho à bolonhesa

xxx

Faz tempo que queria fazer um molho a bolonhesa. Então saí vasculhando a internet e achei essa receita! Fiquei tão intrigada no começo, com o uso de um ingrediente inimaginável (ao menos para mim) para um molho desses! E não tirei isso da cabeça! Assim, a melhor maneira de tirar a dúvida, seria fazer a receita!! Claro que fiz algumas alterações da receita original, como acrescentar bacon, alho… mas a essência foi a mesma! E digo já: ficou divino!!!

Ingredientes:

  • 1/2 xícara de bacon cortado em cubinhos
  • 2 colheres de manteiga
  • 2 colheres de azeite
  • 1 cebola grande picadinha
  • 3 dentes de alho picadinhos
  • 500 gr de carne moída (usei patinho)
  • 1/2 xícara de cenoura picadinha (usei uma que já estava cozida)
  • 1 xícara de leite
  • 1 xícara de vinho tinto seco
  • 2 latas de tomates pelados
  • 2 colheres de extrato de tomate (do elefante!)
  • 1 colher de sobremesa de açúcar
  • pitada de noz moscada ralada na hora
  • sal e pimenta do reino a gosto

Numa panela de fundo grosso coloque o bacon e deixe dourar. Acrescente a manteiga, o azeite, junte a cebola e o alho. Mexa bem até que comecem a dourar, coloque a cenoura e deixe cozinhar por 2 minutinhos. Coloque então a carne e uma colher de chá de sal. Misture bem, deixando a carne cozinhar até que ela não esteja mais crua. Acrescente o leite, abaixe o fogo, deixe ferver e cozinhar até secar. Acrescente o vinho e repita o mesmo processo do leite. Depois disso, coloque as latas de tomate pelado, o extrato, o açúcar, a pitada de noz moscada e mexa bem. Deixe cozinhar em fogo baixo, mexendo de vez em quando, por aproximadamente 30 minutos. Preste atenção para não deixar o molho secar, se necessário coloque um pouquinho de água. Então, apure o sal e coloque a pimenta do reino.

Pronto!! Sirva sobre uma massa, use para fazer uma lasanha, ou até mesmo pra comer dentro de um pão francês! Hmmmm, delícia!!!

Adaptei a receita daqui!

xxx